A lenda da índia Obirici

12votos

No Bairro IAPI, em Porto Alegre, entre o Viaduto da Volta do Guerino e o Supermercado Carrefour, tem a estátua de uma índia. Segundo a lenda, Obirici era uma linda índia da tribo dos Tapimirins, e estava apaixonada por um guerreiro da tribo dos Tapiaçus, mas ele já estava prometido para a índia Iurá. Definiu-se uma disputa em arco e flecha, e Obirici, nervosa, acabou errando a pontaria, perdendo seu amado.

Sem forças para sair do lugar, Obirici ficou ali, chorando, e implorando a Tupã que lhe desse a morte, junto com o primeiro raio de sol, ou do luar. Tupã demorou-se em atender ao pedido da jovem, e quando lá chegou para buscá-la, encontrou apenas um rio de água límpida, formado pelas lágrimas da índia. O rio passou a ser chamado de Ibicuiretã, ou "Rio de Areia". Daí o nome Passo D’Areia, que identifica o bairro ao lado do IAPI.