Manual de Doenças Mentais – nova versão DSM-V – não será mais referência para o Instituto Nacional de Saúde Mental nos EUA

15 votos

 

O Instituto Nacional de Saúde Mental dos Estados Unidos (NIMH), principal financiador de pesquisas na área do país, abandonou oficialmente o DSM-5 (o novo Manual Diagnóstico e Estatístico dos Transtornos Mentais), apenas duas semanas antes do seu lançamento.

Segundo comunicado escrito por seu presidente Thomas Inse e publicado no site do Instituto (http://migre.me/eoT9G), o NIMH irá "re-orientar sua pesquisa para longe de categorias do DSM. Daqui para frente iremos apoiar projetos de pesquisa que olhem além das categorias atuais – ou que subdividam as categorias atuais – para que se comece a desenvolver um sistema melhor".

O texto critica a validade do DSM-5 e afirma: "Pacientes com transtornos mentais merecem algo melhor".

Como afirma o blog Mind Hacks, esta atitude do NIMH é potencialmente sísmica e abala fortemente o poder da Associação Psiquiátrica Americana e do DSM-5. Entenda melhor a situação no link abaixo:  

Felipe Stephan 

 

http://mindhacks.com/2013/05/03/national-institute-of-mental-health-abandoning-the-dsm/