II Oficina de curadoria da IV Mostra Nacional de experiências em Atenção Básica/Saúde da Família.

13votos

Nos dias 12 e 13 de julho, a Coordenação Geral de Áreas Técnicas (DAB/SAS/MS) promoveu a II oficina de coordenadores da curadoria da IV Mostra Nacional de experiências em Atenção Básica/Saúde da Família.

Diferentemente da composição de uma comissão científica ou acadêmica tradicional, esse evento apostou em criar uma equipe de curadoria composta por trabalhadores da Atenção Básica de diferentes regiões do Brasil. A interdisciplinaridade e a pluralidade de inserções na Atenção Básica é a marca principal desse grupo de coordenadores de curadoria, no qual contamos com a colaboração de agentes comunitários, médicos, gestores, apoiadores, odontólogos, educadores físicos, fisioterapeutas, enfermeiros, nutricionistas, psicólogos, terapeutas ocupacionais e profissionais da comunicação.

Nesse encontro, os coordenadores de curadoria se dedicaram a pensar a I oficina de curadores que acontecerá no próximo mês, onde estarão reunidos mais de 120 profissionais da Atenção Básica selecionados para nos ajudar a produzir o que queremos “amostrar” na IV Mostra  Nacional de Experiências da Atenção Básica.

Por meio da Comunidade de Práticas (www.atencaobasica.org.br), essa equipe de curadoria terá como uma de suas funções apoiar trabalhadores, estudantes ou educadores da Atenção Básica na inscrição e produção de seus relatos de experiências, oferecendo o suporte necessário para qualificar os relatos daqueles que demandarem esse apoio, além de estimular o aprendizado mútuo entre os participantes e curadores da Mostra.

Esse encontro nos colocou de frente com os desafios e os prazeres de se produzir um evento por um ministério com ampla participação dos atores que compõe a Atenção Básica nacional e com a vida que emerge dela. A boa avaliação final do encontro nos dá pistas de que estamos no caminho certo…

Mãos à obra! Por que como dizia Foucault, a vida é uma obra de arte!