♫ Projeto Vozes do Bem: Intersetorialidade e Saúde em Música ♪

15votos

Se o CAPS III Dê-Lírios já é muito legal, agora imagina o que acontece quando toda a turma dos Serviços de Saúde Mental da Cidade das Flores se junta e decide cantar pra você, ouvir vozes nesse caso faz bem para a saúde.

A RAPS- Rede de Atenção Psicossocial de Joinville demonstra todo o seu ritmo e harmonia no Projeto Vozes do Bem, um espaço onde acontecem  trocas de saberes e vivências num arranjo intersetorial, capaz de tocar muitos corações numa bela canção.

Em agosto de 2012 vários profissionais da RAPS – Rede de Atenção Psicossocial de Joinville reuniram-se e criaram o Projeto Vozes do Bem, que foi idealizado a partir das várias experimentações musicais realizadas entre os serviços. Este trabalho foi enviado para a III Chamada para Seleção de projetos de Reabilitação Psicossocial: trabalho, cultura e inclusão social na Rede de Atenção Psicossocial, tendo sido contemplado.

Desde então, o SOIS – Serviços Organizados de Inclusão Social desempenha um papel articulador junto aos demais serviços de saúde mental, promovendo a integração dos usuários do Caps AD, Caps II “CAD Nossa Casa”, Caps III “Dê-Lírios”, Caps i “Cuca Legal” e SOIS.
Os encontros são realizados nas sextas-feiras às 14h e atualmente acontecem no auditório da Secretaria Municipal de Assistência Social. Além da parceria intersetorial, conta-se com o suporte técnico da voluntária Valverlene Ramiro que realiza a condução do grupo como regente, contribuindo sensivelmente na construção do projeto.
O objetivo maior dos encontros é potencializar o uso da música como instrumento de inclusão social, através de oficinas desenvolvidas interserviços e intersetoriais, fortalecendo a rede de cuidados em saúde mental.
Prestes a completar um ano de trabalho, avalia-se positivamente o projeto que tem proporcionado aos usuários o desenvolvimento de habilidades e a descoberta de potencialidades, resgatando e promovendo a autoestima. Além disso, tem possibilitado a circulação em novos espaços sociais, efetivando parcerias para colaborar na aproximação dos diversos atores da rede de cuidado, contribuindo na ampliação de vínculos e na promoção da inclusão social.

 

 

  ensaio.jpg