CAMPANHA HOMEM NOTA 10 – MACAÍBA/RN

11 votos

INTRODUÇÃO    

A intervenção em saúde “Homem nota 10” foi realizada no dia 10 de outubro de 2013, durante o Internato de Saúde Coletiva do Curso de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Norte-UFRN, desenvolvida pelos doutorandos Mário Amorim, Raíssa Campos e Yulyanna Moreira, do nono período, realizada na Unidade Básica de Saúde Vila São José, no município de Macaíba – Grande Natal (RN), coordenado pela Prof Dra Ana Tania Lopes Sampaio, sob tutoria da Prof Dra Vilani Nunes, preceptoria do médico da unidade, Dr Jailton Costa e da enfermeira Maria Gracimani Trindade.

A intervenção representa a atividade final do estágio, finalizando uma sequência de vivências em saúde que aproximam os alunos da realidade da comunidade, familiarizando-os com o trabalho em Saúde Coletiva, a nível de uma unidade básica de saúde.  Em  cada uma das sete semanas do Internato, os doutorandos participaram de uma vivência diferente. A primeira atividade foi “O Sombra”, em que acompanharam um usuário em sua trajetória de atendimento no serviço de saúde. Eles ainda trabalharam a territorialização, com o mapeamento e conhecimento de campo do território de uma microárea, além de vivências em vigilância epidemiológica e a realização de uma roda de cogestão, em que se trabalharam conceitos de controle social no SUS.

A eleição do tema “saúde do homem” para ser trabalhado na intervenção final partiu da experiência e conhecimento acumulado sobre a comunidade com as vivências. Percebeu-se, dessa forma, por meio da prática de territorialização, que doenças importantes como diabetes e hipertensão, além de comportamentos de risco como tabagismo, alcoolismo e uso de drogas eram prevalentes nesse grupo. A experiência da equipe de saúde da unidade, que sentia a presença reduzida dos homens no dia-a-dia da unidade, fato comprovado pela significativa maioria feminina na roda de cogestão, por exemplo, reforçaram as dificuldades já constatadas na literatura de se trabalhar com esse grupo, com a presença de barreiras sócio-culturais e institucionais que afastam esses indivíduos do cuidado da prórpria saúde.

Buscamos, dessa forma, mobilizar a UBS para a realização de uma intervenção voltada  exclusivamente à população masculina da comunidade, focando no oferecimento de serviços de saúde e atividades educativas, tendo em vista inserir esses indivíduos na dinâmica das atividades de saúde da UBS e melhorar sua qualidade de vida, focando a promoção da saúde.

METODOLOGIA

Idealizou-se a realização de um dia inteiro de atendimentos, serviços em saúde e atividades educativas voltados aos usuários do sexo masculino, a exemplo de outra atividade bem-sucedida realizada em unidade de saúde semelhante e divulgada nesta Rede (http://www.redehumanizasus.net/65871-promocao-da-saude-no-dia-do-homem-em-unidade-basica-de-saude-em-natal-rn). Buscou-se apoio institucional, junto à Prefeitura Municipal de Macaíba e à Secretaria Municipal de Saúde, que se responsabilizaram pela divulgação por meio de carro de som, internet e rádio locais, além de disponibilizarem testes rápidos para DSTs, presevativos e uma unidade móvel de atendimento odontológico. Comerciantes locais foram convidados a colaborar com o evento, fornecendo brindes e lanches aos  usuários participantes. A ação também foi pactuada com toda a equipe de saúde da UBS de  Vila São José, envolvendo agentes comunitários, técnicos, enfermeira, dentista, médico, além dos doutorandos.

Os serviços oferecidos incluiram aferição de pressão arterial, medição de índices antropométricos (altura, peso, IMC), imunização, HGT, atendimento odontológico, atendimento médico, além de testes rápidos para HIV, hepatites B e C e sífilis. Todos os atendimentos estavam arranjados de maneira que os usuários seguissem um percurso organizado após o acolhimento, em que os homens recebiam informações educativas a respeito dos agravos mais prevalentes à sua saúde e as políticas atuais de saúde voltadas para eles, sobretudo a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem. A ação ocorreu das 8 às 19 horas, favorecendo, inclusive, os usuários que não dispunham de horário para atendimento no turno nomal.

Todos os atendimentos foram registrados em ficha específica para o dia, as quais seriam, posteriormente, integradas aos prontuários de cada usuário, após análise quantitativa dos resultados da ação.
Outra proposta da intervenção foi a idealização do “Cartão do Homem”, instrumento inspirado em recurso de atenção e cuidado já empregado na gestação e na infância. O cartão contém informações sobre problemas prevalentes, como hipertensão, diabetes, além do calendário vacinal do adulto, contando ainda com espaço para o registro de exames periódicos e índices antropométricos, como peso e IMC. Acreditamos que tal ferramenta consiga aproximar um pouco mais o usuário do serviço de saúde, além de constituir-se de fonte de informação importante para os mesmos, revertendo-se num ganho de dimensões bastante superiores ao seu custo efetivo.

cartao_do_homem_0.jpg

cartao_do_homem_2_0.jpg

Cartão do homem

RESULTADOS E CONCLUSÃO

Ao todo, 34 homens foram atendidos, com média de idade de 42 anos. Apesar de a grande maioria não apresentar qualquer patologia ou sinal que chamasse atenção, fizemos algumas constatações, como cintura abdominal aumentada (24%) ou hipertensão (6%) e IMC elevado (11%).

Olhando além dos números referentes à Intervenção, pudemos notar os benefícios desta ação por vários aspectos. O “Homem nota 10” conseguiu cumprir o objetivo de promover a saúde do homem, sobretudo com seu caráter educativo, propagando ideias de prevenção de doenças e agravos importantes que, com certeza se multiplicarão por intermédio dos próprios usuários atendidos. Ela ainda contribuiu para valorizar o trabalho em equipe, fortalecendo o vínculo entre os profissionais da unidade, bem como com toda a comunidade.

Ações como essa também se inserem nas preconizações da política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem, contribuindo para o seu fortalecimento e efetiva consolidação junto à UBS de Vila São José, com vistas a ampliá-la para todo o município de Macaíba.

O “Cartão do Homem” mostrou-se também como uma proposta simples e capaz de se reverter em grandes benefícios para a comunidade, dado o seu baixo custo e a grande potencial de valorização da atenção e cuidado desses pacientes. A perspectiva de que a ideia se propague por outras unidades ou até venha a ser institucionalizado nas unidades de saúde do município são bastante estimulantes.

Por fim, há que se destacar a ótima experiência na realização dessa intervenção, desde o convívio com os preceptores e profissionais da UBS, a felicidade de ver um projeto concluído, mas, sobretudo, a constatação da aprovação dos nossos pacientes/usuários, foco maior do nosso esforço.

intervencao_2_0.jpg

intervencao_3_0.jpg

intervencao_4_0.jpg

Intervenção "Homem Nota 10". Atendimento odontológico, sorteio de brindes, equipe reunida.