Notícias do Médio Vale do Itajaí

6votos

No dia 12/06/2008 durante todo o dia estivemos com a Judete Ferrari , psicóloga e apoiadora da PNH em Alegrete RS e tutora do curso de Especialização para Apoiadores da PNH do Estado RS,  juntamente com o Comitê Regional de Humanização do Médio Vale do Itajaí o tema Acolhimento como Redes de Atenção sob o enfoque dos serviços de saúde mental. 

Para dar início aos trabalhos contamos com a participação de Clarice Lispector e seu texto: Brincar de pensar, publicado em A Descoberta do Mundo,  que trata do quanto é "perigoso" pensar com outros e propõe um exercício de fazer um rol de sentimentos. 

Fazendo uma correlação com o módulo anterior de REDES que tivemos com a Liane Righi o grupo colocou-se fisicamente em uma REDE, nomeando as instituições presentes e os sentimentos que os ligavam a esta rede, dinâmica esta que serviu de rodada de apresentação do grupo e de pontos de reflexão para a fala da facilitadora.  

Além de uma troca de experiências e aprofundamento sobre este tema tão especial na PNH, o grupo debruçou-se em reflexões sobre a política de saúde mental de forma geral e os pontos de toque com a PNH. 

Judete, muito mais que um relato de experiência e conceitos, nos trouxe em sua fala uma militância de 18 anos pela saúde mental dos Alegretenses, num movimento de articulações em rede com a ousadia que só os apaixonados tem (próprio para o dia 12 06), fazer recheado de criatividade e potencialização dos outros, um fazer de inclusão. 

Neste momento em que praticamente acaba de nascer nossa Câmara Técnica de Saúde Mental do Médio Vale do Itajaí, plenamente articulada com o Comitê Regional de Humanização, este foi mais um momento mobilizador para os grupos GTHS, CAPS, SMS com serviços de saúde mental e hospitais da região, bem como para a Regional de Saúde e a FURB (universidade regional). 

O encontro foi coletivo em todos os aspectos, foi um esforço coletivo de participação, de disponibilização de equipamentos de suporte e até o lanche. Teve até roda de chimarrão!  

O frio que faz por aqui e as diversas atividades que tem gerado sobreposição de agendas (introdutório do PSF em alguns municípios e monitoramento da atenção básica em outros) acabaram por esvaziar um pouco o encontro, mas quem participou fez uma avaliação muito positiva.

Estes momentos de formação e troca de experiência tem possibilitado ao grupo do Médio Vale mobilizações que apostam cada vez mais na PNH como possibilidade de ativação do SUS que dá certo!

http://www.flickr.com/photos/27623636@N05/2582976618/

http://www.flickr.com/photos/27623636@N05/2582149297/