Atenção Especializada

5votos

As ações da Atenção Especializada são feitas pelo Departamento de Atenção Especializada e Temática – DAET, criado pelo Decreto 8065/13 e subordinado à Secretaria de Atenção à Saúde – SAS. De acordo com os princípios do Sistema Único de Saúde (equidade, integralidade e universalidade), serão criadas as ações e programas das temáticas da atenção especializada, como: Saúde do Homem, Saúde da Pessoa Idosa, Saúde Mental.

Apesar desse arranjo organizacional, acontece o que chamamos de gargalo de produção, que pode ser compreendido como efeito funil, onde há grande demanda e consequentemente a oferta fica escassa.

 E temos também a dificuldade de acompanhamento pelo profissional preceptor do sujeito, que ao ser atendido em um serviço de especialidade, como um cardiologista ou endocrinologista, irá solicitar que o usuário retorne após certo período, e esse agendamento será feito em uma central de regulação que fará a marcação de acordo com a disponibilidade de agenda dos especialistas, não levando em consideração a necessidade de retornar ao mesmo profissional para acompanhamento.

Assim, é importante que haja uma melhor organização do fluxo de atendimentos e do funcionamento da rede de saúde em si, de tal forma que, os usuários dos serviços de especialidades possam ter atendimento continuado com os mesmo profissionais, e minimizem os efeitos funis para que todos possam ser atendidos de forma adequada e a marcação de exames não seja tão demorada.