Método Cartográfico potencializa a pesquisa na saúde

8votos

 

 

 

 

 

Trago aqui o vídeo postado por Gustavo Nunes em 2015 na RHS ( http://www.redehumanizasus.net/90814-sobre-a-cartografia-em-pesquisa-virginia-kastrup ) por se tratar de material precioso para quem trabalha e pesquisa no campo da saúde. 

A questão do método nas pesquisas em ciências humanas é crucial porque constituinte do objeto que se quer estudar, apreender, abordar.

No vídeo,  Virgínia Kastrup trata a partir da função atenção, inúmeras questões relacionadas ao método no campo de pesquisa. Freud, W. James, Varela, Russell são alguns dos autores que vão protagonizar a construção do conceito de um modo bastante interessante e com uma dimensão de invenção.

A dimensão de invenção aparece nestes modos de ver e escutar o pensamento, lugar onde não há espaço para se falar em déficits, mas em potências de ligação com o mundo. James fala do pensamento como o vôo de um pássaro. Vôo e pouso, onde o movimento não estanca, pois o pouso não barra o movimento. Há um pouso no movimento e não do movimento.

Para quem trabalha com as crianças e adolescentes em tempos de supostos transtornos como o TDAH, há nesta conversa de Virgínia pistas mais do que fundamentais!

 

Deixo aqui também outros posts que tratam da questão do método:

http://www.redehumanizasus.net/12537-oficina-de-formacao-em-metodologias-participativas-de-pesquisa-em-saude

http://www.redehumanizasus.net/87420-toda-mulher-e-negra-diario-de-bordo-de-uma-viagem-intervencao-maputo

 

http://www.redehumanizasus.net/7718-pistas-do-metodo-da-cartografia

 

http://www.redehumanizasus.net/92289-uma-pegada-brasileira-na-questao-do-metodo