Acadêmicos da Alegria e o Princípio da Transversalidade das Ações de Humanização

9votos

Os estudantes de Medicina da UNOESTE  em parceria com outros cursos da universidade participam de atividades práticas, realizadas no Hospital Regional de Presidente Prudente, com foco no princípio da Transversalidade das Ações de Humanização. Os Acadêmicos da Alegria atuam semanalmente, às segundas e quintas feiras, se dividindo em quatro grupos alternando quinzenalmente para se fantasiar, maquiar e tentar levar momentos de descontração e diversão para os usuários do SUS internados naquele nosocômio. As atividades realizadas para promover o bem estar ao próximo variam entre cantar músicas, contar piadas, teatros e expressões corporais, sempre produzidas com muito carinho e dedicação com o objetivo de gerar sorrisos. O programa é classificado como projeto de extensão e é aberto a todos os termos dos cursos presentes na universidade promovendo para os que participam desde o início zelo, afeto e simpatia entre os estudantes e aqueles que serão acolhidos. Após as atividades coordenadas por facilitadores da UNOESTE, os acadêmicos fazem reuniões para avaliar as ações de Promoção à Saúde desenvolvidas naquele período, com foco na Política Nacional de Humanização. Os usuários do SUS, a Coordenação do HRPP e os própios alunos consideram como positivas as ações que visam à construção de ambientes saudáveis no território de saúde local.

 

Acadêmicos da Alegria em uma das visitas ao Hospital Regional de Presidente Prudente -SP

 

Referências:

A Humanização no Ensino de Graduação em
Medicina: o Olhar dos Estudantes. Disponível em: https://www.google.com/url?sa=t&source=web&rct=j&url=http://www.scielo.br/pdf/rbem/v39n3/1981-5271-rbem-39-3-0401.pdf&ved=2ahUKEwjv2pPk4aPdAhWKhZAKHYVaAScQFjAAegQIBhAB&usg=AOvVaw2bpfcJD0f1Reohg0CBE0yJ

Consulta em 05 09 2018 às 8h 33min.