Mulheres da Comunidade participam de Ação de Educação em Saúde com foco na PNAISM em P. Prudente, SP

11 votos

No dia 13 de março de 2020, sexta-feira, foi realizada no território da ESF Humberto Salvador, na Praça da Juventude uma ação de Educação em Saúde pelo grupo de 9 estudantes do Curso de Graduação em Medicina da UNOESTE (Universidade do Oeste Paulista) coordenados pela professora Talita Cristina Marques Franco. A ação, realizada no território adscrito à ESF Humberto Salvador, foi uma das atividades de campo pertencentes ao Programa de Aproximação Progressiva à Prática (PAPP V/UNOESTE), pertencente à grade curricular do curso Médico, de acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais publicadas no ano de 2014. O grupo de Promoção à Saúde, composto por 29 participantes, com 27 mulheres e 2 homens, com faixa etária variando entre 27 e 65 anos, tem como principal objetivo a Criação de Ambientes Saudáveis, no Território adscrito à ESF, estimulando a prática de exercícios físicos, no intuito de melhorar a qualidade da saúde física e mental e, consequentemente, melhorar a qualidade de vida da Comunidade, como um todo.


A atividade de campo iniciou-se com exercícios físicos estimulados pela educadora física e, logo após, a acadêmica Julianne Silva Neves realizou uma dinâmica com o grupo, para descontrair, aproveitando para conhecer melhor cada participante presente no local. Em seguida, foi realizada uma Roda de conversa, com temas relacionados às Doenças Crônicas Não Transmissíveis e à saúde da mulher, a exemplo do câncer de pele, câncer de mama, câncer do colo do útero, e câncer de cólon e reto, os quais, de acordo ao Instituto Nacional do Câncer (INCA), do Ministério da Saúde são os 4 tipos de câncer mais prevalentes no sexo feminino. Ressaltou-se que o câncer de pele e o que mais acomete ambos os sexos. Em seguida, foi feita uma conversa entre participantes e estudantes médicos visando solucionar as possíveis dúvidas dos presentes, além de ser ratificada a importância da realização dos exames de rotina, a exemplo do Papanicolau e da Mamografia para prevenção das DCNTs.
Em relação às IST’s (Infecções Sexualmente Transmissíveis) foi salientado o uso de preservativo em todas faixas etárias para prevenir a contaminação com doenças a exemplo do HIV e da Sífilis, que no Brasil apresentam números crescentes de contaminados a cada ano, entre os grupo de adolescentes, adultos jovens e idosos, além de prevenir da gravidez indesejada ou não planejada na fase da adolescência.
Após a execução do Plano de Ação, que emergiu da aplicação da Metodologia Ativa da Problematização, os organizadores realizaram uma avaliação da atividade.
Os participantes consideraram como positiva a Ação de Promoção à Saúde, organizada no território da ESF Humberto Salvador, em Presidente Prudente, SP.

Referências:
1- https://www.inca.gov.br/numeros-de-cancer. Acesso em: 13/03/20, às 23:40.
2- https://saude.gov.br/saude-de-a-z/infeccoes-sexualmente-transmissiveis-ist. Acesso em: 14/03/20, às 00:09.