Ação Educativa

6votos

Um estudo brasileiro mostrou que quase 12% das mulheres fazem uso de anticoncepcional oral combinado na presença de contra indicações, possivelmente devido à facilidade da aquisição do medicamento sem prescrição médica e desconhecimento do método utilizado .  Diante dessa realidade torna-se necessário ações direcionadas para que a escolha do método contraceptivo seja feita de forma livre e consciente, juntamente com o profissional de saúde, bem como ações voltadas para prevenção de infecções sexualmente transmissíveis e outras afecções que afetam a saúde das mulheres e seus parceiros.
Foi realizada uma ação educativa nos Distritos de Cubas e Barro Branco, mediada por uma enfermeira do serviço e um acadêmico de enfermagem, que contou com a participação de 19 e 20 mulheres, respectivamente. O conteúdo programático da intervenção foi: Câncer de Mama, Câncer do Colo do Útero e Exame Citopatológico, Tipos de Corrimento Vaginal e formas de prevenção, infecções sexualmente transmissíveis , Métodos Contraceptivos e Climatério. Foi uma experiência exitosa  realizar essa intervenção. Como estratégia de ensino utilizou-se uma exposição dialogada, com uma linguagem clara e bem interativa. Algumas mulheres não conheciam alguns métodos como o dispositivo intra uterino , camisinhas masculina e feminina e apresentavam dúvidas sobre os métodos contraceptivos, corrimento, infecções sexualmente transmissíveis , atividade física e alimentação. Foram distribuídas camisinhas masculina e feminina e gel lubrificante.