Ações de prevenção ao suicídio são realizadas com parceria dos estudantes de Medicina e NASF em ESF

7votos

Há quatro anos, a Associação Brasileira de Psiquiatria, em parceria com o Conselho Federal de Medicina, promove a Campanha Nacional “Setembro Amarelo”. Setembro é o mês escolhido para a conscientização sobre a importância da prevenção do suicídio, que é a 4ª maior causa de morte entre jovens, e de acordo com o boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, surge um alerta para idosos com mais de 70 anos de idade.

No Brasil, há 1 suicídio a cada 45 minutos, o que equivale a 32 suicídios por dia, segundo a Organização Mundial de Saúde, a cada ano, 1 milhão de pessoas tiram a própria vida, o que corresponde a uma taxa de mortalidade de 16/100.000 habitantes. Sendo assim, o órgão criou uma agenda estratégica para atingir a meta de reduzir 10% os óbitos por suicídio até 2020.

Em contribuição da causa, a ESF Nossa Senhora da Penha em parceria com os acadêmicos de Medicina da Unoeste e o NASF, durante o mês de setembro iniciaram ações, como palestras para a população, roda de conversa na sala de espera da unidade, nos grupos de promoção a saúde e capacitação dos profissionais da unidade com a psicóloga do NASF.

Após a realização de ação na sala de espera, os facilitadores utilizaram o Arco de Maguerez para iniciar uma reflexão sobre a Roda de Conversa.

Os participantes consideraram como positiva a ação de Educação em Saúde realizada no território da ESF.

Referência: PINTO, Ana Paula et al. SUICÍDIO EM IDOSOS NO BRASIL: uma revisão integrativa. Revista Univap, [s.l.], v. 22, n. 40, p.849, 2 maio 2017. UNIVAP Universidade de Vale do Paraiba. http://dx.doi.org/10.18066/revistaunivap.v22i40.1694.