Futuros Médicos aplicam Princípios do HumanizaSUS à Saúde Mental em uma ESF do Interior Paulista

9 votos

 

Estudantes do Curso Médico da UNOESTE entram em contato com a população adscrita a 7 ESFs dos Municípios de Presidente Prudente e Álvares Machado, desde o primeiro termo do Curso.

Os Facilitadores estimulam a criação de ambientes saudáveis nos territórios das ESFs por meio da Metodologia Ativa da Problematização. Nos Ciclos Pedagógicos desenvolvidos na ESF Morada do Sol, foram propostas ações de Educação em Saúde relacionadas à Atenção Integral para a Saúde Mental no território da ESF.

Os acadêmicos organizaram Rodas de Conversa com pessoas e familiares que convivem com transtornos mentais, residentes na área adscrita à ESF Morada do Sol. A Estratégia de Saúde da Família (ESF) tem colaborado positivamente com a Reforma da Assistência Psiquiátrica Brasileira.

A Atenção Básica tem trazido importante auxílio para melhorar a atenção em saúde no Brasil. Os princípios básicos do Sistema Único de Saúde (SUS) de Universalidade, Integralidade e Equidade são respeitados e estimulados nas abordagens com os grupos de Atenção Integral à Saúde Mental no Programa de Aproximação Progressiva à Prática (PAPP) na Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE).

Os Facilitadores propõem aos acadêmicos uma mudança no modelo de assistência à saúde, priorizando a descentralização das ações em saúde e a abordagem comunitária e familiar. De maneira diferente do modelo tradicional, que é centralizador e voltado para o hospital terciário. Estratégias educacionais voltadas às Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs), propostas pelo MEC em 2014, tem sido propostas na UNOESTE, para educação dos futuros Profissionais de Saúde.

Em relação à saúde mental, os futuros médicos são estimulados a agir nos grupos de atenção básica, no território da ESF. Na Roda de Conversa foram abordados temas relacionados à “maneira de andar a vida” das pessoas e dos familiares que convivem com transtornos mentais. Os participantes consideraram produtiva a ação de Promoção à Saúde, com ênfase na Atenção Coletiva.

Estudantes perceberam crescimento nas habilidades de construção de vínculos de respeito e confiança com os usuários do SUS que convivem com transtornos Mentais. Facilitadores perceberam, na reflexão após a ação, de acordo com as propostas do Arco de Maguerez, que os aprendizes aplicaram os Princípios do HumanizaSUS do Protagonismo do Usuário SUS e da Transversalidade das Ações de Humanização.
A Equipe da ESF valorizou a ação da Academia na parceria com o Serviço, na ESF.

 

 

 

Referências:
Estratégia Educacional em Saúde Mental para
Médicos da Atenção Básica. Disponível em:
https://www.google.com/url?sa=t&source=web&rct=j&url=http:// www.scielo.br/pdf/rbem/v42n1/0100-5502-rbem-42-01-0006.pdf&ved= 2ahUKEwiG49PnkJXdAhXDfZAKHQMWBn8QFjAAegQIABAB&usg= AOvVaw0wwQXedGlRxbWZ1XtoHIlp
Consulta em 30 08 2018 às 12h 52min.