Planejando ações em Saúde para o 2º semestre de 2019.

7 votos

De acordo com o autor Matus, o gestor tem um importante papel enquanto dirigente e líder, considerando a necessidade de formação e capacitação dos quadros dirigentes em todo o sistema público de saúde. Dessa maneira, a Coordenação do Programa de Aproximação Progressiva à Prática (PAPP) da UNOESTE (Universidade do Oeste Paulista) considera importante disponibilizar aos gestores das sete Estratégias Saúde da Família (ESFs), localizadas nos municípios de Presidente Prudente e Álvares Machado, uma bibliografia básica sobre as possibilidades de fortalecimento da sua capacidade de governo, o que inclui sua formação como líderes e a apropriação de conhecimentos acerca das mudanças necessárias nos sistemas de trabalho e no desenho organizativo das instituições sob seu comando.
Os estudantes do PAPP/UNOESTE se inserem nas sete unidades de Saúde citadas como membros das Equipes Interdisciplinares. Os Professores da UNOESTE se inserem nas ESFs, com os estudantes médicos, dos termos 1 ao 5, graças à parceria Academia-Serviço, utilizando metodologias Ativas de Ensino e Aprendizagem como a Problematização com a finalidade de criar Planos de Ação, com foco na Política Nacional de Promoção à Saúde. Os professores refletiram, em conjunto com os gestores das ESFs, sobre o modelo que, historicamente, orienta o processo de organização de serviços de um dado território. Entenderam que, em muitos locais do Brasil, existe o modelo hegemônico médico-assistencial privatista, que possui as seguintes características:
• O hospital é o centro da organização dos serviços de saúde e encontra-se desvinculado da rede.
• As ações curativas são predominantes na oferta de serviços.
• As ações preventivas e de promoção da saúde são residuais ou inexistentes.
• A organização do trabalho é fundamentada na prática médica, e as demais profissionais assumem um caráter subordinado à categoria médica.
Professores e gestores locais das ESFs consideraram, a partir de um caso disparador, simulado, que existem vários estudos revelando a ineficiência e a ineficácia desse modelo para contribuir com a redução ou controle dos principais problemas de saúde da população. Os participantes não desconsideraram a importância de ofertar ações curativas, visando a recuperação dos casos de doenças, identificados na população. Entenderam, outrossim, que é preciso promover a saúde das pessoas e da coletividade e prevenir os grupos vulneráveis em relação às situações de risco, devendo-se envolver todos os níveis de complexidade do sistema nessa tarefa.
Uma das indagações dos professores e gestores se relacionaram às propostas assistenciais alternativas ao modelo hegemônico existentes hoje no Brasil.
Professores consideraram que a insatisfação com o modelo assistencial hegemônico, tem levado gestores e
profissionais de saúde à formulação e experimentação de alternativas assistenciais mais adequadas à realidade sanitária em vários municípios brasileiros em anos recentes. Dentre elas, destacam-se:
– Ações programáticas de saúde (Schraiber, 1990)
– Acolhimento (Cecílio, 1994)
– Vigilância da saúde (Teixeira, Paim & Vilasbôas, 1998)
Docentes do PAPP/UNOESTE consideraram que cada um desses modelos, de acordo com suas particularidades, busca modificar a organização dos serviços de saúde de maneira a contribuir com a melhoria da qualidade da atenção, numa perspectiva individual (acolhimento), ou em uma perspectiva que busque integrar ações individuais com ações coletivas (ações programáticas e vigilância da saúde). Após o encontro entre gestores das ESFs e Professores do PAPP/UNOESTE houve um momento destinado à avaliação e possibilidades de aplicação prática nas ESFs, no formato de Planos de Ação a serem executados pelos estudantes no segundo semestre letivo de 2019.  Os participantes consideraram como positiva a oportunidade de planejar Ações de Promoção em Saúde a serem aplicadas no território das Unidades de Saúde do município.

Referências:
PLANEJAMENTO E GESTÃO DE
SISTEMAS E SERVIÇOS DE SAÚDE.
Disponível em:
https://www.google.com/url?sa=t&source=web&rct=j&url=http://files.bvs.br/upload/M/2004/Teixeira_Planejamento_gestao.pdf&ved=2ahUKEwi1_5zG3unjAhWoI7kGHZS8BacQFjAEegQIBxAB&usg=AOvVaw2lBqg4tyen8j1utwjsP43a