miguel angelo maia

São Gonçalo, RJ

Membro desde: 04/07/2012

76 POSTS
946 VOTOS

Interesses:

Psicologia e Trabalho, Processos de Trabalho em Saúde, Trabalho e Política, Humanização em Saúde, Políticas de Saúde Pública, Saúde Coletiva, Filosofia, Poesia

Formação:

doutorado

FALTA DE ÉTICA OU EXCESSO DE PERMISSIVIDADE?

    Em imanência: uma vida, Deleuze reflete: “Ninguém melhor que Dickens narrou o que é uma vida, levando em conta o artigo indefinido como índice do transcendental. Um canalha, um mau sujeito desprezado por todos cai agonizante e eis que aqueles que cuidam dele manifestam uma espécie de solicitude, de respeito, de amor pelo […]

O QUE NOS CABE? O APOCALIPSE COMO ESPETÁCULO?

Em agosto de 2016 , Pablo Dias Fortes lançou um post na RHS (http://www.redehumanizasus.net/95029-o-que-nos-cabe) que, pelo vigor de uma certa convocatória, bem parecia ser algo como um desafio Ubuntu, também lançado por ele, ao qual vários na rede responderam. Enfim, como ninguém respondeu a enigmatica questão do Pablo, volto agora com ela, meses depois, após […]

LEI DO ACOMPANHAMENTO, HUMANIZAÇÃO DO CUIDADO E DISCRIMINAÇÃO POR GÊNERO: UM DESASTROSO DESENCONTRO NORMATIVO

A lei do acompanhante já é bem conhecida e, de certa forma, tem sido respeitada país afora, ao menos no que se refere à internação em hospitais de menores de 21 anos e maiores de 65 anos. A despeito disto, uma rígida norma administrativa vem se tornando padrão em vários hospitais brasileiros que, muitas vezes, […]

Porque é preciso de gente como você.

Porque é preciso acreditar sem crença, Porque é preciso ter raça sem raça,         Porque está tudo de cabeça para baixo E não somos avestruz, Porque é preciso gritar Sem raiva, Porque é preciso abrir os braços, Abrir os olhos, Abrir os ouvidos, Porque é preciso ser alma No corpo, Porque é preciso ter brio E […]

A barbárie de um país nas palavras e no silêncio que se dizem: o sangue da pietà.

  Poderia ficar apenas na beleza literária do texto publicado por Eliane Brum em El País (http://brasil.elpais.com/brasil/2016/06/20/opinion/1466431465_758346.html), se isto não fosse também um esvaziamento da palavra, como ela com maestria disserta, tão bela, tão poética, mas de uma contundência arrepiante, que enregela a alma, enrijece o corpo e faz a dita consciência envergar num peso […]

PREGUIÇA DE LER, POBREZA DE MUNDO? II OU ESTILHAÇOS DE POST

    Alliez e Feher (1988) afirmam que o capitalismo de ‘doador de trabalho’ passou a ‘doador de tempo’, ‘dando’ a todos um tempo indiviso, dividido apenas em suas afetações, num regime de escravização em tempo integral. O que não é tempo rentável, na engrenagem do capital escoa como tempo perdido. Com esta provocação, retomo […]

Heresia? Por uma outra concepção da Páscoa. Feliz Páscoa sempre!

Para quem já está acostumado, junto aqui, disjuntando sem tornar desconexos, e procurando contribuir com algo novo, sem destruir o velho, dois posts sobre a Páscoa. O do magistral Erasmo (http://www.redehumanizasus.net/94265-entre-a-mistica-e-a-realidadeuma-feliz-pascoa) e o do não menos magistral Marcos Pires (Jesus e a Vida: Diversidade e Unidade). É que há controversas no que é sempre e […]

PREGUIÇA DE LER, POBREZA DE MUNDO?

Apenas para compartilhar inquietações e iniciais reflexões sobre um intrigante fenômeno que venho testemunhando como de ocorrência freqüente no contemporâneo, atingindo até mesmo espaços nos quais jamais esperaríamos tal atitude, quero falar sobre a “preguiça” ou a “falta de tempo” para leitura de textos considerados “grandes”, levando os que gostam de escrever, assim, como eu, […]