Gestão da clínica e PTS!!!

13votos

images_2.jpg

Olá RHS!

  Na última aula de Gestão de Sistemas e Serviços de Saúde discutimos sobre a gestão da clínica/projeto terapêutico singular.

Gestão da clínica
  A gestão da clínica tem como objetivo assegurar padrões clínicos ótimos e,consequentemente,melhorar a qualidade das práticas clínicas, reorientar a atenção assistencial às necessidades dos pacientes através de boas práticas.

Projeto Terapêutico Singular
  O PTS envolve um conjunto de propostas de condutas terapêuticas articuladas,direcionadas a um indivíduo,família ou coletividade.Tem como objetivo traçar uma estratégia de intervenção para o usuário,contando com os recursos da equipe,do território,da família e do próprio sujeito e envolve uma pactuação entre esses mesmos atores.
  O trabalho em equipe,elemento essencial para a elaboração pactuada e compartilhada do projeto terapêutico,implica em compartilhamento de percepções e reflexões entre profissionais de diferentes áreas do conhecimento na busca pela compreensão da situação ou problema em questão.A construção de um PTS exige a presença e colaboração de sujeitos comprometidos com propostas  e condutas terapêuticas articuladas ,envolvendo quatro pilares:hipótese diagnóstica,definição de metas,divisão de responsabilidades e reavaliação.

  Para a construção de um PTS …
 *deve-se conhecer a pessoa envolvida;
 *delinear ações coerentes ao seu contexto de vida;
 *envolver discussões em equipe

  Creio que o  PTS é uma ferramenta muito importante ,pois auxilia as equipes de saúde na definição e direcionamento de suas ações e garante ações coerentes com o contexto de cada pessoa.

 

Referência

O Projeto Terapêutico Singular e as práticas de saúde mental nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF)em Guarulhos (SP); Autores:Alice Ayako Hori e Andréia de Fátima Nascimento.