MCA 7 : SAÚDE, CULTURA E ARTE – Maré de Encontros: Cuidados em Rede (Fortaleza-CE)

6votos

 

 

O Saúde, Cultura e Arte (MCA) é um encontro nacional que reúne estudantes, profissionais de diversas áreas e demais interessados em temas como a humanização da saúde, a responsabilidade social e o papel que a arte e a cultura desempenham na promoção de saúde. Idealizado pela ONG Sorrir é Viver e tendo como nome inicial “Medicina, Cultura e Arte”, teve suas duas primeiras edições, 2010 e 2011, organizadas pelos estudantes da Faculdade de Medicina do ABC – SP (FMABC), as quais foram sediadas em São Paulo (SP). A partir da terceira edição, em 2012, o evento tornou-se itinerante, tendo como sede a cidade de Olinda, em Pernambuco (PE), sendo pensado e construído por estudantes dos projetos de extensão Palhaçoterapia, Projeto de Encontro e Riso Terapêuticos (PERTO) e S.O.S Palhaçoterapia, respectivamente ligados à Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), à Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS) e à Universidade de Pernambuco (UPE). Em 2013, o evento aconteceu em Botucatu – SP, organizado pelos Médicos da Alegria, esse composto por estudantes de medicina da Universidade Estadual Paulista (UNESP).

O MCA, até a sua quarta edição, intitulava-se Medicina, Cultura e Arte; porém, a partir de sua quinta edição, o nome da vez é “Saúde, Cultura e Arte”, visto que esse evento busca provocar, emocionar, criar diálogos transdisciplinares, aprofundar debates e oferecer novos pontos de vista em um ambiente motivador. Sendo assim, a troca do nome “Medicina” por “Saúde” ampliou as possibilidades de falar do cuidado sob a ótica multiprofissional. A edição de 2014, sediada em Mogi das Cruzes – SP, promovida pelos estudantes da Universidade de Mogi das Cruzes (FMUMC), foi construída a partir dessa nova perspectiva ampliada da saúde. A edição de 2015 deu continuidade a essa proposta e foi sediada no Vale do São Francisco sob a coordenação do projeto de extensão Unidade de Palhaçada Intensiva (UPI) junto à Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF).

Em sua sétima edição, o MCA terá como sede Fortaleza – CE, sob a coordenação da Rede de Palhaçoterapia do Ceará – Projeto Fortalecendo Sorrisos e Colaboradores. A Rede de Palhaçoterapia foi uma iniciativa que surgiu a partir de um edital da Prefeitura de Fortaleza, lançado no ano de 2014, intitulado “Nossa ação muda a cidade – Protagonismo Juvenil”. A Rede despontou com a proposta de impulsionar a palhaçoterapia e o voluntariado jovem em Fortaleza, através de ações de desenvolvimento artístico e institucional por meio de grupos de palhaçoterapia já existentes. A Rede é composta por três projetos de humanização em saúde de Fortaleza, sendo dois deles projetos de extensão de universidades públicas e uma ONG: Projeto de Humanização com Artes na Saúde (HumanarteS), da Universidade Estadual do Ceará (UECE), Projeto Y de Riso, Sorriso e Saúde (Projeto Y), da Universidade Federal do Ceará (UFC), e a ONG Risonhos.

Em todas as suas edições, um desejo nos une: a crença na remodelação da conjectura atual. Podemos nos deparar que, desde o ano de 2010 na FMABC, buscamos o resgate da humanização com o foco na saúde e sociedade, trazendo a tona o causo do dotô que tocava flauta na enfermaria e, quando a banda toca junto, não tem quem fique parado! E, nesse ritmo, cuidando do eu, do outro e do nosso, carregamos no sangue a crença que o impossível é só questão de opinião e, como brasileiros, nunca desistimos, sempre fazendo da queda um passo de dança. É nesse compasso que damos prosseguimento a nossa viagem!

Mais informaões,Inscrições e submissões de trabalhos no site: http://mca7.com.br/
 Curta:https://www.facebook.com/mca7ce/?fref=ts
Siga: https://www.instagram.com/mca7ce/

 #NENHUMDIREITOAMENOS #RESISTIREFULÔRESCEREMDEFESADAVIDAEDOSUS #HUMANIZAÇÃOÉMILITÂNCIA