Sobre:

Gauche na Vida

Interesses:

clínica (amplida), atenção básica, SUS, Política de Saúde, gestão, democracia e decorrências destas coisas

Formação:

Médico, professor do Departamento de Saúde Coletiva da FCM-UNICAMP

Gripe A na Europa

En la web de la OMS pueden encontrar la convocatoria para el 15 de Enero de 2010 para incluir a los antivirales a los grupos de medicamentos esenciales. Alemania ha roto su contrato con Novartis por la vacuna, y Polonia finalmente decidio no vacunar, los resultados no son distintos a los que se vacunaron. Sin […]

O país da Tropicália

Maravilhoso texto de   José Celso Martinez Corrêa http://colunistas.ig.com.br/luisnassif/2009/11/10/o-pais-da-tropicalia/ No mesmo dia em que Caetano fazia sua entrevista de capa, muito bela como sempre, no Caderno 2 do Estadão, o Ministro Ecologista Juca Ferreira publicava uma matéria na Folha na seção Debates. Um texto extraordinariamente bem escrito em torno da cultura, como estratégia, iniciada no […]

Os gestores do SUS e a co-gestão

por Márcia Amaral

Tem um material bem legal do observatório de recursos humanos da OPAS/MS e que acrescenta uma pergunta: para que servem os trabalhadores de saúde? Usamos no texto sobre gestào que estamos publicando. Segue um trecho:

Demasiadamente Humano (para um planeta tão plural)

Um Oceano de plástico   Durabilidade, estabilidade e resistência à desintegração. As propriedades que fazem do plástico um dos produtos com maiores aplicações e utilidades ao consumidor final, também o tornam um dos maiores vilões ambientais. São produzidos anualmente cerca de 100 milhões de toneladas de plástico e cerca de 10% deste total acabam nos oceanos, […]

Diarréia, tabagismo e miséria

É muito diferente ter alguma preocupação sanitária com as conseqüências do tabagismo (entre outros temas de igual e maior importância), ou ser contra o tabagismo ou, pior ainda, ser contra os tabagistas. A importância deste debate é que ele não se restringe ao cigarro. São modos de lidar com os problemas de saúde, com as pessoas e com as nossas paixões profissionais, que transbordam para outros problemas de saúde.

Para que servem os “chefes”

 democracia-organizacional.blogspot.com/2009/10/para-que-servem-os-chefes.html Está claro que a maior parte da produção teórica sobre gestão se direciona aos "chefes" ( sejam os "donos" do capital  ou seus representantes). Boa parte da teoria geral de administração (tga), dos cursos de administração e afins têm este direcionamento: os detentores de poderes diversos. Trata-se geralmente de falar para quem já tem […]

A democracia nos serviços de saúde

A PNH tem como pressuposto a construção da democracia, também nos espaços de trabalho. Os seus princípios e propostas enfrentam aspectos importantes da dinâmica dos poderes nas organizações, principalmente na relação do “saber” com o “fazer”. Avançamos muito em experiências que procuram desconstruir a engrenagem taylorista de alienação dos trabalhadores em relação ao seu fazer […]

Escolhendo o coordenador na Unidade Básica do Farol

  A unidade básica do Farol estava cheia. A maior parte das três equipes de saúde da família estava presente. Também não faltaram representantes da população (membros do conselho local de saúde) como observadores. Era a segunda reunião do mesmo tipo. Tratava-se de uma sabatina aos candidatos a coordenador da unidade. O secretario municipal conseguira, […]

As doenças existem ou não existem?

Muita gente se assusta com esta pergunta. Outros ficam indignados. Mas esta é uma pergunta fundamental. Uma parte dos problemas da clínica tradicional deve-se ao fato dos profissionais tomarem as doenças, ou pior ainda, o caminho para se chegar ao diagnóstico, como seu objeto de trabalho. Tornam-se técnicos em doenças, como já disse muito apropriadamente […]

Humanização ou Cerebrização

O sujeito cerebral: De órgão a ator social Francisco Ortega e Benilton Bezerra Jr. Océrebro humano é cada vez mais percebido como aquilo que nos define.  Nas últimas décadas o cérebro vem se tornando, mais que um órgão, um ator social. O espetacular progresso das neurociências, a popularização pela mídia de imagens e informações que […]