Sobre:

Graduanda em Gestão de Saúde Coletiva da Universidade de Brasília, cursando o 5° semestre.

Projeto Terapêutico Singular e seus momentos.

Como o conceito de Projeto Terapêutico Singular já foi trazido por ema colega da RHS como : "O Projeto Terapêutico Singular é um conjunto de propostas de condutas terapêuticas articuladas, para um sujeito individual ou coletivo, resultado da discussão coletiva de uma equipe interdisciplinar, com apoio matricial se necessário.Podemos considerar como uma reunião de toda […]

Atributos da APS

O primeiro contato, a longitudinalidade, a integralidade, a coordenação, a focalização na família e a orientação comunitária são os atributos que organizam a Atenção Primária nas redes de atenção à saúde. A APS deve cumprir algumas funções, como por exemplo: a função resolutiva, de dar respostas efetivas a, pelo menos, 80% dos problemas mais comuns […]

Papel da Atenção Primária à Saúde nas Redes de Atenção

A atenção Primária à saúde, ou atenção ambulatorial de primeiro nível são os serviços de primeiro contato do paciente com o sistema de saúde, geralmente de fácil acesso com a finalidade de resolver a maioria dos problemas de saúde da população. Para cumprir seus atributos devem estar integrados a uma rede assistencial. A Rede de […]

Gestão da Clínica no SUS, o projeto!

O projeto “Gestão da Clínica no SUS” se insere como uma das estratégias de fortalecimento e consolidação do Sistema Único de Saúde, considerando as diretrizes do Ministério da Saúde para: a constituição de regiões de saúde e redes de atenção à saúde; a ampliação do acesso, humanização e integralidade do cuidado à saúde; e a […]

Linhas de Cuidado

É uma forma de articulação de recursos e das práticas de produção de saúde, orientadas por diretrizes clínicas, entre as unidades de atenção de uma dada região de saúde, para a condução oportuna, ágil e singular, dos usuários pelas possibilidades de diagnóstico e terapia, em resposta às necessidades epidemiológicas de maior relevância. Vários pressupostos devem ser observados para a efetivação das […]

A educação que produz saúde.

Pesquisando um pouco sobre “Produção de saúde”, deparo-me com essa cartilha “A educação que produz saúde”, que faz uma relação entre saúde e escola surgindo a possibilidade de construir juntos a "escola que produz saúde": uma proposta que envolva estudantes, trabalhadores da educação, comunidade escolar, órgãos governamentais de educação, gestores de sistemas de saúde e […]

Apoio Institucional

                  Apoio institucional é uma função gerencial que reformula o modo tradicional de se fazer coordenação, planejamento, supervisão e avaliação em saúde. Um de seus principais objetivos é fomentar e acompanhar processos de mudança nas organizações, misturando e articulando conceitos e tecnologias advindas da análise institucional e […]

Acolhimento

O acolhimento deve ser visto como um dispositivo potente para atender a exigência de acesso, propiciar vínculo entre equipe e população, trabalhador e usuário, questionar o processo de trabalho, desencadear cuidado integral e modificar a clínica. Dessa maneira, é preciso qualificar os trabalhadores para recepcionar, atender, escutar, dialogar, tomar decisão, amparar, orientar, negociar. É um […]

Regionalização em Saúde.

A Constituição Federal de 1988, bem como a Lei nº 8080/1990 definem o papel central da regionalização na estruturação do serviço de saúde. A Regionalização é uma diretriz do Sistema Único de Saúde e um eixo estruturante do Pacto de Gestão e deve orientar a descentralização das ações e serviços de saúde e os processos […]

Cuidado e Atenção à Saúde.

Para o Ministério da Saúde (BRASIL, 2009), a atenção à saúde é tudo que envolve o cuidado com a saúde do ser humano, incluindo as ações e serviços de promoção, prevenção, reabilitação e tratamento de doenças. Cuidar significa uma preocupação com outra pessoa, uma dedicação, um sentimento de zelo, é entrar em sintonia com o […]