Sobre:

Nordestina, Mãe Atípica, Psicóloga, com Pós-Graduação Lato Sensu em Atendimento Educacional Especializado com Ênfase em Educação Especial pela UNIBF, especialização Lato Sensu em andamento pela Child Behavior Institute Miami (CBIof) em Inclusão e direitos da pessoa com deficiência, capacitação em ABA na Educação pelo Instituto Neuro, especializada no uso Clínico da Escala Bayley 3 na Saúde e Educação, membro da comissão de Pais e Cuidadores de pessoas com Autismo na Defensoria Pública de Maceió-Al, membro do Fórum de Saúde Mental de Maceió-Al e administradora do Projeto na página Online do Instagram Mundo Inclusão.

Interesses:

Tem interesse em Psicologia da Saúde, Políticas Públicas e Pesquisa Aplicada em ambiente escolar, com objetivo de implementar práticas baseadas em evidências.

Formação:

Psicóloga, Pós-Graduação em Atendimento Educacional Especializado com Ênfase em Educação Especial, Aluna Especial do Mestrado Profissional em Humanização e Formação em Saúde pela UFAL e especializando em Direito e Inclusão.

NÃO É CARIDADE, O SUS É DIREITO DE TODOS!

Segundo a Procuradora Regional da República Adriana Zawada Melo a ideia de dá preferência as instituições filantrópicas e sem fins lucrativos é justamente para desestimular a visão comercial da prestação dos serviços de saúde mantidos com RECURSOS PÚBLICOS, a fim de manter uma tradição histórica brasileira de assistência à saúde por partes de instituições beneficentes(APPAE, […]

VAMOS FALAR DE ESPAÇO FÍSICO TERAPÊUTICO?

Vocês sabiam que os Espaços Físicos são pontos fundamentais para o desenvolvimento emocional e intelectual dos sujeitos que compõe o ambiente terapêutico, incluído as Salas de Espera? Pois saibam que essas adaptações são de extrema importância por ser o primeiro espaço que recebe esse usuário em situação de Deficiência, Transtorno mental e Altas Habilidades. Repensar […]

“DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS.”

Segundo KAREL VASAK os direitos humanos associa-se à igualdade, dizendo respeito aos direitos sociais, econômicos e culturais (direito à saúde, à assistência social, à educação, à moradia, ao transporte, ao trabalho, entre outros). Essa segunda dimensão dos direitos humanos como ele classificou implicariam numa atuação estatal, que deve realizar alguma prestação ou ainda regulamentar uma […]

POR QUE OFERECER TRATAMENTO SEM EVIDÊNCIA?

• NÃO É OPINIÃO, É CIÊNCIA; Faz tempo que as trágicas práticas de alguns profissionais são justificadas pela gestão que esse usuário está inserido. Uma dessas práticas são os atendimentos aos usuários dos Centros de Reabilitação conveniados ou não com o SUS, onde os atendimentos com duração de 30 minutos uma vez por semana mesmo […]