Enfermeiras relatam os desafios no cuidado de pacientes com covid-19 nos hospitais do RS

12 votos

Enfermeiras relatam os desafios no cuidado de pacientes com covid-19 nos hospitais do RS

Os profissionais de enfermagem que estão na linha de frente do cuidado de pacientes com Covid-19, relatam a exaustão pelo desgaste físico e emocional em salvar vidas em meio a uma pandemia descontrolada e do colapso do sistema hospitalar, onde a taxa geral de ocupação de leitos de UTI, desde o início do mês de março, oscila sempre acima de 100% na saúde do Rio Grande do Sul. Um cenário desafiador que permeia a rede de saúde pelo país afora e que vem causando um intenso sofrimento nos profissionais envolvidos.

O Brasil de Fato RS conversou com algumas enfermeiras que atendem pacientes infectados para uma escuta e conhecimento dessa triste realidade.

“O que posso te dizer deste momento é que as nossas rotinas estão cada vez mais desgastantes, nós nos sentimos nadando, nadando, nadando e morrendo na praia porque nós não vemos claramente a luz no fim do túnel. A incerteza que nós temos de, nos próximos dias, como vai se comportar a doença nos provoca exaustão”, desabafou Ângela Enderle Candaten, enfermeira do Serviço de Enfermagem em Terapia Intensiva do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA).

“Estamos em um momento extremo de fadiga por compaixão”, afirmou Angela Candaten

Compartilho a íntegra da matéria no site O Brasil de Fato

https://www.brasildefators.com.br/2021/03/12/estamos-em-um-momento-extremo-de-fadiga-por-compaixao-afirma-angela-candaten